20/10/2011

Do sonho, à realidade!

Verdade é uma só: eu não tenho lá muito tempo de ficar relembrando minha época de tentante e as vezes, me esqueço parcialmente até de detalhes da gravidez.
Mas esses dias andei lendo blogs fofos de algumas tentantes.
Lembrei de mim. De como eu sonhei. Dos meus medos. De como eu mudei!

Lendo a "angustia" e a ansiedade de muitas meninas, olhei pro meu lado e vi a Anna Laura.
Comecei a pensar, lembrar, (re)sonhar. Como era gostoso imaginar a minha pequena, e hj ela ta aqui né. Fruto de um sonho MESMO.
Eu, qdo grávida, ouvia muito a pergunta: "foi planejado?".
Eu automaticamente respondia: "não, essa gravidez não foi planejada não. FOI SONHADA..."
E foi mesmo.
Planejamos tudo sim, como td q fazemos na nossa vida a dois.
Fizemos contas, refizemos contas, pensamos, planejamos, SONHAMOS.
Pronto. Começamos a sonhar qdo paramos de planejar.
Planejar é muito frio, calculista. Passamos a sonhar, imaginar a pequena (ou pequeno, não tinhamos preferencia, mesmo!), como seria, se seria loira, morena, olhos claros...
Começamos a imaginar uma mistura de nós dois correndo pela casa, chorando, mamando. Imaginamos o quarto antes mesmo dele existir!


Daí eu volto lááá em Junho de 2009 q foi qdo começamos a sonhar e penso, putz, como td valeu a pena.
Passamos longos 10 meses tentando. Alguns vários testes de sangue e de xixi negativos, frustrações, lágrimas (minhas sempre!), até uma breve desistência.
"Não nasci pra ser mãe", eu pensava, CANSADA de esperar.
Tentava me conformar com a ideia de q isso não era pra mim...

Sempre fui meio engoísta. Nunca gostei de abrir mão do meu mundinho, por nada, por ng. Puxa, como eu mudei!
Por ela, abro mão de tudo, muito mais do q já abri até hj.
Deixei de dormir bem, confortável, de comer direito, de tomar banho decente, de sair, de conversar e até namorar o marido. Abri mão da minha vida profissional, abri mão daquela vaidade toda, abri mão, abri mão, abri mão!
Cada dia, uma nova renúncia.
Qdo, eu como tentante, iria imaginar isso? NUNCA.


Hj o meu mundo gira em torno dela. Eu só falo dela, só penso nela, só quero ela.
Engraçado.


Olho pro meu lado e vejo a minha virada de cabeça pra baixo.
Porra, mas é tão bom!
Sou tão feliz.
Cada dia um pouco mais.
Aquele sonho, q começamos idealizar numa noite gelada de Junho, tá aqui do meu lado, berrando no momento (rsrsrs), transformando cada segundo da minha vida.
Todo dia eu acordo sem saber como o dia vai ser e vou deitar sem saber qtas horas vou dormir.
Mas uma coisa é certa: EU SOU GRATA A TUDO ISSO!


Faço TUDO pela Anna. Mato, morro, q seja!
Ela é o meu centro, meu ponto de equilíbrio.
Ela é o sorriso q teima em se esconder atrás de um mau humor.
Ela é a minha vida. É pra quem eu corro e agarro qdo estou prestes a explodir.
Pronto, é o abraço minusculo e desajeitado dela, q me faz perceber o quanto as coisas valem a pena!

Sem a menor sombra de dúvidas, eu aprendo muito mais com a Anna do q ela comigo.
Depois q ela nasceu, eu cresci muito minhagente...MUITO!
Deixei pra trás coisas mesquinhas, pequenisses...
Não me importo tanto com o q os outros pensam ou falam de mim!
Agora, não fale mal dela! rs (e quem ousa né???? rs)


Portanto, olhando pra trás, olhando ela aqui ao meu lado, sorrindo, chorando, q seja, eu percebo qto valeu a pena SONHAR. Qto valeu a pena cair de boca (oi?) nesse sonho todo, sem medo, sem barreiras.


Vc q ainda tenta engravidar, viva as voltas com ciclos, tabelinhas, temperatura, ansiedade, decepções....viva tudo isso com intensidade, pq daqui a pouco seu bebê estará aqui e vc vai ver o quão mágico é olhar pra trás e ver q vc teve coragem e determinação e se tornou a mãe MAIS FELIZ DO MUNDO!


Aponta pra fé e rema! ;)









27 comentários:

Bicho-mãe disse...

Lindooooooo o que você escreveu! Sei bem como é isso, e sei também que é bom demais rss..

Beijos linda.

Flavi

Patricia disse...

É bom demais.... bjks minhas e do Miguel.
Patricia

Amanda disse...

CHOREIIIIIIIIIIIII
Tenho certeza que o tempo como tentante foi fundamental para mim, olho para minha Maju e sinto uma felicidade sem igual, ela dá sentido a minha vida, ler seu texto que fez lembrar de quando estava tentando, de vc tentando e mtas outras que acompanhei. Foi mto bom, valeu mto a pena. Na época queria engravidar no primeiro mês, mas hoje vejo como foi gostoso tentar engravidar!

Michely Avanti disse...

Concordo com TUDO que vc escreveu Than! Lindo Post.
Hoje eu não imagino a minha vida sem o Pedro! É amor demais né?
Tudo muda mais tudo compensa.
Beijos

Néinha Figueiredo. disse...

Que lindo Than!

E por tudo isso que eu sou tão próxima das Tentantes.
Tipo, eu sei o quanto é gratificante, e que realmente vale a pena, toda a espera, negativos, e a incerteza na vida de uma tentante!
Agora eu que me emocionei com o post!
Muitas vezes eu paro olho pro Yan e penso: Ainda bem que eu não desisti!

Bjs Nossos!

Cláudia Leite disse...

Tudo na vida tem o porquê neh, inclusive o tempo das tentativas. Não vivi a frustração de esperar a gravidez pois consegui no 1º ciclo, mas imagino que o tempo de espera é doloroso quando cada novo ciclo começa.
Mas talvez essse tempo seja funamental para a preparação da gravidez e depois em ser mãe.
Verdade que ser mãe tira nosso egoísmo, porque eu sofri para aprender que não estou mais em primeiro lugar, agora é minha filha que está nas minhas prioridades, eu venho depois. Acho que isso é algo que só quem é mãe sente neh?

bjo pra vcs.

Andrea Fregnani disse...

Gostosa demais a Anna Laura, que sonho super realizado.
Nós tb planejamso tudo e sonhamos muito, estórias parecidas as nossas ;)
bjim meu e da Alice

Tati... disse...

LINDO LINDO LINDO....
Vc conseguiu tranferir para este post td a sua alegria em ser mãe!!!!
Parabéns Flor....
bjbj

Poly disse...

#miemocionei
Sem palavras!
Ameeeeeeei o post!!!!!!!

Camyla Toneto disse...

Ooi than. Emocionante cada palavrinha que tu escreveu. e que baita declaração de amor para tua filha.(quem sabe um dia ela leia)

Eu como gestante as vezes acho que minha vida não vai mudar muito, as vezes digo que nao vou deixar de estudar, trabalhar(dps que ele tiver 1 ano) e tal. Mas sabe que eu tenho até medo de pensar o quanto a minha vida vai mudar com a chegada do meu Miguel. Mesmo sabendo que tudo vale a pena e que aquele amor incondicional compensa cada mudança, e cada coisinha que agente abre mão, sempre da aquele friozinho na barriga.

Mas acho que é normal né?

Mas é isso, parabens você realizou o seu sonho.( e o teu sonho é liiiiindA) HAHA

Eu particularmente não planejei o Miguel, mas pouco fiz para evitar HAHA mas no fundo sempre quis ser mãe, quando descobri que tava grávida, foi a minha maior felicidade do mundo, e junto com a felciidade aquele frio na barriga.

beeejjos than e dá um beijinho nessa liinda aNna.

Maria Israely disse...

Seus post sempre emocionam viu......
Ser mãe é algo inexplicavel..eu não tive fase de tentante foi pa e pum de primeira o Gabriel veio graças a Deus... planejado...não sonhado mais que tudo....minha vida: Mudou da água pro vinho....em primeiro lugar o pequeno depois eu....amor de mãe inexplicavel...sou capaz de matar pelo meu filho.....me emociono com vc viu....bjus amiga

Grauce disse...

Não tive essa fase de tentante. Ele era esperado, mas não naquela época. Tinhamos outros sonhos, outros planos. Mas sabe de uma coisa, dane-se a hora certa. Quem sabe da hora certa é o relógio que de vez enquando marca a hora errada (por que a pilha tá fraca rs)

Adorei o post. Ele até me inspirou. Posso citar ele?

Beijo!

Thamara disse...

Lindo texto e uma foto mais linda que a outra...amei!

Déia Musso disse...

Chorei amiga!
Ai Meus tempos de Sonhante!
Agora chega a rrepiar esse teu post, é bem isso tudo mesmo, desse jeitinho...

É bom demais!!
bzooo minhas lindas

Mamãe do Otávio disse...

chorei.
ai Than, teus posts são lindos...
de emocionar mesmo.

te admiro muito!
bjão

Mommy-to-be disse...

Ownnn, Than, que lindo o que vc escreveu!

Me emocionei, viu?

Não vejo a hora de olhar pro lado e ver o fruto do meu sonho aqui, sorrindo, chorando, olhando pra mim!

Obrigada por essa homenagem linda à nós tentantes!


bjins

Vanessa disse...

Muito lindo o seu texto, conseguiu transmitir todo o seu amor de mãe.
Parabéns pelo texto.
Bj.

Kaah & Lipeeh disse...

Adorei;

Incrível como essa menininha é linda ♥
Beijoss

Laercia Lucas disse...

Ainda estarei postando aqui, para relatar o dia do meu milagre!! Fantástico!!!!

Ana Paula disse...

Sabe que dia desses estava lendo um posts meus na época em que eu ainda tentava engravidar...

Fiquei emocionada, sabe, porque mesmo que eu tenha demorado dois anos para conseguir, eu segui o meu instinto e depois de perceber que eu não tinha nada que me desabonasse como potencial mãe passei a acreditar que engravidaria. E engravidei! No meu tempo!

Não foi fácil. Sofri muito, mas aprendi, cresci e agora estou aqui gestando minha querida filha!


Bjs!

Suzana Lira disse...

Ai Than eu sigo seu blog a um tempão, desde que vc era só uma recém casada rsrs

Quantas coisas aprendi com os blogues....coisas que foram super úteis para o meu casório rsrsrs

E uma das coisas que aprendi foi a torcer com outras pessoas.

Nunca fui muito de fazer amizades (meus pais sempre viajaram mt) e quando entrei na blogsfera simplesmente xonei rsrs

Torci a cada post junto com vc e com outras blogueira rsrsr

E até hj é assim ...


Amo passar por aqui vioh


Bjo

Micha Descontrolada disse...

Boa noite, tô passando aqui pra divulgar um sorteio que Atelier Graça Veloso está realizando de um conj. de 3 peças para bebês, composto de toalha de capuz, babadouro e toalha de mão. Inscrições até o dia 26/10. Não perca!!!
http://www.atelierveloso.com/

Aguardamos sua visita e inscrição!!!
Corra logo que faltam poucos dias para o sorteio!!!

Karla disse...

Chorei amiga muito lindo o que vc escreveu e posso te falar? Sua familia é linda tanto por dentro quanto por fora. Parabéns aos papais da linda Anna Laura :)

Beijos Than!

disse...

Que lindo Than, achei esse o seu texto fantástico e as fotos nem preciso dizer ficaram lindas!

Beijos e bom final de semana pra vcs.

Karina disse...

Que texto, escreveu tudo, emocionei! A Anna é linda, uma fofura e ela tem sorte de ter uma mãe tão bacana também... :)

Filho mudo tudo na nossa vida, é maravilhoso!

Bjão!

Carol disse...

Que post lindo, Than!!!

Ser mãe é maravilhoso msm!!! Olhar para nossos pequeninos. Aquele rostinho e pronto... o mundo fica mais feliz! Nossa razão de viver!!!

Bjão

Renata disse...

Oi, que post lindo. Ser mãe é algo supremo, coisa linda de Deus!
Depois da uma passadinha no meu blog.

BJs

redirect