11/04/2012

O que aposentamos por aqui...

CARRINHO:
Eu era uma pessoa dependente do carrinho, tanto q a Anna tem 4!
Onde a gente ia eu carregava algum, pq vai q ela dorme? Vai q ela cansa? Vai q eu canso?
Mas de uns 2 meses pra cá, justamente qdo a Anna começou a andar, ela óbviamente não quis mais ficar sentada num carrinho, por mais atrativos q ele pudesse ter.
Eu até conseguia colocá-la lá pra fazer um almoço, ou até pra ela assistir TV e dormir, mas isso realmente começou a ficar raro, raríssimo.
A última vez q eu coloquei a Anna num carrinho foi num casamento q fomos em Fevereiro. Levamos o carrinho e só rolou stress. Anna chorou a cerimonia toda, fez birra, se jogou pra frente, pra trás, pros lados. Não queria ficar ali de jeito nenhum.
Depois daquele dia, nunca mais eu a coloquei num carrinho.
Ela não deixa nem a gente a colocar sentada q ela desce e sai correndo.
O q eu fiz? 
O maior, aquele q serviu de bercinho qdo ela nasceu, da Burigotto, eu fechei e coloquei ele de baixo do berço. O coitadinho ta q é só pó!
Um menor, mas q não chegava a ser um Umbrella, dei pra minha irmã. Realmente esse foi o carrinho q mais quebrou galhos. Ele era menor, cabia com mais facilidade no porta malas do carro, era confortável pra Anna, enfim, foi realmente o q ela mais usou. Mas o bendito tem cinto de segurança apenas na cintura e a Anna com 9 meses, escalou o carrinho, ficou de pé, quase me matou de susto, então aposentei!
Anna tb tem um q é um formato de um carro mesmo.
Rosa e lilás, lindo, minha sogra deu de presente de Natal.
Ele tem direção, buzina, porta luvas, uma graça, maaaaaaaaas, um elefante branco, como eu sempre previ q ele seria. Tentei banir a ideia de darem um pra Anna, mas sem sucesso. Ela ganhou mesmo assim.
Ele ta lá, na garagem de casa, parado e cheio de pó.
Uma pena.
E por fim, o ultimo q compramos foi o tal umbrella.
Sempre tive ótimas referências desse tipo de carrinho e então achamos q deveríamos comprar e deixá-lo desmontado no porta mala do carro já q ele é pequeno e prático. E realmente ele é tudo isso mesmo, maaaaaaaaas aqui em casa foi usado apenas uma vez, exatamente no tal casamento q eu citei acima. Anna nunca mais o usou, ou seja, gastamos $$ a toa e ele está devidamente fechado e guardado no guarda roupa, NOVÍSSIMO, juro q dá até dó!
Hj saio pra qlq lugar sem carrinho.
Se vamos passear num shopping ou parque ela vai da maneira q ela mais ama: andando!
Fomos viajar e eu não levei. Não achei necessário. E não seria mesmo!




CERCADINHO/CHIQUEIRINHO:
Bom, o cercadinho desde q a Anna tem uns 7 meses, sempre foi o quebra galho da rotina da casa. Eu colocava a Anna lá dentro, cheia de brinquedos, e fazia td em casa pq lá ela ficava, sem reclamar, sem chorar. Assistia TV, brincava, cansava e lá mesmo dormia. Aquilo era meu paraíso.
Mas, mais uma vez, Anna começou a andar.
Sempre me diziam q qdo isso acontecesse ela não ia mais querer saber de ficar ali. Eu ignorava.
Mas foi justamente o q aconteceu.
Claro né. Burra era eu q achava q a menina, uma andante, ia querer ficar fechada num cubículo? Jamais né.
Eu ainda insisti com ele montado por um mês mais ou menos, pq ela ainda ficava lá, mesmo q aos berros, pra eu conseguir recolher o coco do cachorro e tirar o lixo, coisas q ela não pode ir comigo.
Mas um dia, decidimos q tava na hora de dar tchau a ele.
E desmontamos.
Confesso q senti um vazio na sala e no coração. Significava mais uma etapa q estávamos passando, sei lá, não sei explicar.
O bercinho me remetia à Anna bebê ainda, aprendendo a ficar de pé sozinha, engatinhando, essas coisas, e desmontá-lo me mostrava quase como um tapa na cara q aquele bebezinho não existia mais e q a Anna agora é uma criança grande.
De fds confesso, ele faz falta. Mas eu fecho o portãozinho e deixo a Anna na sala sozinha qdo eu preciso sair de perto. Ela já caiu do sofá, já banhou todo o chão da sala com leite, já desligou e ligou a TV sozinha quase até queimar, mas dá certo...rs...
E como ela está na creche a semana toda, realmente ele não teria mais função, a não ser ocupar um enorme espaço na minha sala e virar depósito de brinquedo.


ANDADOR:
Isso é meio óbvio q aposentaríamos antes mesmo da Anna andar sozinha.
Na verdade verdadeira Anna nunca gostou dele. Eu colocava ela lá e deixava ela explorando a casa, mas como ele limita, ela ficava nervosa, chorava e eu tirava.
Ele é outro item que está na garagem de casa, sem uso, pegando pó.
Dá uma dó de ver...pq ele é lindo!


LEITE EM PÓ:
Bom, Anna não toma mais leite em pó.
Compramos leite de caixinha mesmo, integral, e é o q ela toma.
Se precisamos sair e tals, compro Toddynho e similares q da na mesma!
E nem é Ninho q compramos hein...rs...é qlq marca q esteja barata!
Fim.
hahahahha


BOLSA DE BEBE:
Qdo eu tava grávida, claro, compramos aquelas bolsas pra carregar fraldas, roupas, afins e afins.
Tenho 3 bolsas dessas.
Lindas, cor de rosas, cheia de apetrechos.
Mas não uso mais. Uma delas vai pra creche com a Anna, as outras estão guardadas.
As coisas da Anna qdo saímos eu levo na minha bolsa, dentro de uma frasqueirinha.
Simples assim. Mamãe agradece não ter de carregar tanto peso assim mais! rs


PROTETOR DE BERÇO:
Arranquei tudo.
Aquilo tava virando degrau pra Anna, sabem como?
Ela tava se apoiando nele e meu medo dela escalar e pular o berço começou a ficar grande, maior do q o prazer de ver o bercinho todo cheio de coisinhas fofas.
Paciência.
Minha mãe q me deu, ele é lilás de bailarina, coisa mais rica, mas tb está devidamente lavado e guardado. 
Do kit, eu uso ainda o jogo de lençol e o edredon q vieram junto. O resto, tchau!
Mais uma da série: sofro, minha filha não é mais um bebê mesmo!


CADEIRÃO:
Bom, esse aboli faz teeeeeeeeeeeeeeeeempo!
Nunca me senti segura em colocar a Anna em um.
Ganhamos um ótimo, daqueles de colocar na mesa, tipo portátil. 
Aquele sim quebrou um galhão, mas mais uma vez dona Anna Laura começou a se apoiar e ficar de pé nele e então, vendemos!
Aqueles cadeirões grandes, Anna teve um. Nunca gostei, usei umas 3 vezes e tb dei fim.
Anna comia sentada no carrinho.
E agora sem carrinho, como vc faz? Vcs me questionam...(NOT)...rs...
Dou comida pra Anna da maneira mais errada do mundo: correndo atrás dela pela casa!
Cansa e me estressa na velocidade 20000000000000 de créu, mas não tem outro jeito. No meu colo é comida voando e é pior...rs
Qdo vamos à um restaurante, ela senta no cadeirão q tem disponível no local. Se eu ver q é um cadeirão beeeeeem ruim, sem segurança, daí é no colo mesmo, pro meu completo desespero...rs




É por essas e outras, aposentando as coisinhas da Anna, q eu percebo como ela cresceu e cresce cada dia mais.
Daqui a pouco será a fralda q aposentaremos. A chupeta. A mamadeira.
Isso gela meu coração.
Não sei se to preparada pra não ter mais um bebe em casa sabem!
Anna ainda mama na mamadeira, mesmo amando tomar no copo, mas sei lá, eu preciso disso, preciso dar mamadeira pra ela ainda, é uma necessidade muito mais minha do q dela...
Na creche por exemplo é copo. Não existe mamadeira lá, eu não mando pq não pode. Na creche é comida de garfinho. E ela come sozinha lá. Aqui em casa eu ainda dou na boca dele e de colherinha especial de bebe. Tb é uma necessidade minha, ela mesmo fazendo sujeira, sabe comer sozinha já. Devagar, sujando tudo, deixando cair metade, mas sabe.
Mas eu não quero aceitar isso minha gente!
Sou louca?

kkkkkkkkkkkk




Desses itens q eu citei q a Anna não usa mais, alguns estão a venda.
Vou reverter em $$$ né...vou guardar pra q? rs
O carrinho umbrella ta a venda.
O andador ta a venda.
O protetor de berço ta a venda.
O cercadinho tb está a venda.
Quem se interessar...rs...quem sabe! É só me falar!


Bom por hj é isso!


Beijos























14 comentários:

Déia Musso disse...

Puts guria, Me emocionei sabia?

Não sei porque quando vc falou em perder a fralda e mamadeira...não aguentei. EU VI ESSA MENINA NO US!!!

Como assim? Ai Deus, como pode...eu que não to preparada pra essa independencia toda, cade o bebe da tia?! hahaaha

Ta ficando uma mocinha cada dia mais linda e espeta, Deus abençoe, morro de orgulho!

Amamos vc´s

Bzooo

Bruna disse...

aqui andamos aposentando coisas tb! Mas não tantas como aí já que Pedro ainda não prefere andar a engatinhar...
O carrinho eu ainda uso muito, e é o umbrela por que o gigantesco aposentei faz tempo...
Chiqueirinho aposentado
Andador aposentado
Berço aposentado (preciso desmontá-lo), ele dorme num colchão no chão.

O carrinho estilo carro ele ama... aqui não é elefante branco, é sucesso.
A bolsa tb não consegui aposentar ainda...
E o cadeirão é ótimo... mas nem sempre consigo dar comida nele.... as vezes é mais fácil em frente a tv a lá maneira "crucifiquem a mamãe" kkkk....

ah, Pedro mama leite materno e leite de caixinha Itambé, Carrefour ou o mais barato que tiver kkk

Poly disse...

Faço coro ao comentário da Déia...
Eu vi essa princesa muitos antes de nascer, quando ela era só um sonho e a mamãe Thania se descabelava a cada negativo... #Comofaz?
É, eles crescem mesmo, é como é dificil desapegar!!
Boa sorte aí amiga! Bjosssss

Roberta Aquino disse...

Oieee amigaa .. por aqui já aposentei essas coisas faz tempooo ... e tem outras que nem cheguei a comprar .. tipo, chiqueirinho e andador .. carrinho ela não quis mais andar desde que começou a andar com 10 meses .. então deixei de carregar esse trambolho .. aliás tudo dela que não cabe mais etc eu junto tudo e levo pra algumas famílias que sei que precisam .. e fico feliz de estar podendo ajudar hehe ... mas era o que eu ia te sugerir .. doar ou vender ... ficar olhando essas coisas em casa tomando espaço e juntando pó dá uma dó mesmo né?! rsrsrs .. por outro lado nossas princesas já estão se tornando lindas mocinhas .. hehe .. bjs amigaaa

Roberta e Luma
http://princesaluma.blogspot.com.br

Carol Damasceno disse...

Than elas crescem rápido demaissssssssssssss.........

A Laura também não é mais um bebê, não tem mais atitudes de bebê.. Virou mocinha....

Ai meu Deus... O que vamos fazer???

Beijocas
Carol

Angel disse...

É Than..eles crescem muito rápido e te entendo que de fato a gente enrola com algumas coisas pq a gente sente necessidade de ter aquele bbezinho ainda alí...e qd abrimos os olhos e vemos que o bbzinho já em uma criança que já sabe fazer várias coisas sem a mamãe...vish...é uma mistura de orgulho e uma dorzinha por vê-los crescendo tão rápido!

BJS...

Angel disse...

Ah...tb tenho uma listinha de coisas ue Lulu tb não usa mais...

Colherinhas de silicone...NÃO...ela usa de inox e se não tiver a dela por perto, pode ser a de uso geral mesmo!

Carrinho:Só usou pra dormir isso até uns 5 meses no máximo...compramos 2, um grande e rosa da Galzerano e um umbrella...o Umbrela eu dei o rosa tá á em casa encostado tadinho!

Mamadeiras: Nunca usou...ganhei dois jogos lindos no Baby chá, que só serviram para medidas...e nada mais, ela se nega!

Banheira: é linda Galzerano de ovelinhas, uma fofa...só usa muito raramente em dias de chuva e olhe lá..

BB conforto: Ela sempre odiou o bichinho...fica mais fora do carro do no carro em sí!Qd saímos é uma luta pq ela não fica nele de jeito nenhum,!
Enfim...dá uma peninha...mas tem que rolar o desapego!!kkk!

BJS...

disse...

Ai Than, a minha ainda nem nasceu mais já dá um aperto no coração só de pensar em perder as coisinhas kkk... Acho que toda mãe no fundo não quer que o filho cresça do dia pra noite né, mas faz parte da vida!

Beijocas pra vocês!

Mamãe da Julia disse...

Eu adoro o jeito que você escreve kkkkkk
pra dar comida tem que ficar correndo atrás, aqui é a mesma coisa, uma loucura sem tamanho ! rsrs

Cláudia Leite disse...

É tantos momentos que nos dão nostalgia neh?
Cada nova fase é um marco, uma nova conquista e uma mãe babona com saudades de tudo oq ue viveu!

bjo em vcs.

Patrício e Vívian disse...

Ai meu Deus, já estou imaginando... passa muito rápido!!! E a gente inexperiente compra um monte de trambolhos, enche a casa e no fim eles não usam quase nada.
Mas tem o lado bom... ela tá uma mocinha, e agora virão outras fases também deliciosas pra vcs curtirem juntas!!
Beijooo e fica com Deus!

Valéria disse...

Ai Than me vi neste teu post, porque eu gelo de ver o Victor crescer e ele já está com 5 anos, e sempre resistir em tirar a mamadeira e a chupeta, porque pra mim se tirasse ele ia estár crescendo demais (sei lá coisas de mãe rsrsrs)mas agora estou sofrendo com isso, porque agora está mais dificil de tirar tudo isso, a chupeta já tentei varias vezes mas nada. Mas confesso apesar dele estár com 5 anos adoro ver ele chupando chupeta e cheirando o cobertorzinho me dá sensação de ter um bebê em casa ( ai meu Deus mãe de merda) kkkk

Aline Lima disse...

Ai Thania a cada relato seu....sinto como se tivesse vivendo isso...e olha que ainda não sou mãe. Mas tenho um sobrinho q tem 8 meses e é o meu xodó...e já sofro pq tô vendo ele crescer....já dá aquela saudade dele bem bebezinho. Tá ficando independente e isso me assusta. Mas é a lei natural da vida...eles CRESCEM. Só não precisava ser tão rápido né?rsrsrs

Beijos pra vc e Anna Laura!!

Val disse...

Cara, entendo e assino embaixo! Como pode passar tão rápido assim... E sei que vou sofrer as mesmas coisas com a Clariçoca! Ai meu Deus, tou preparada não! Comofas? rsrsrs

Beijos em vcs!

redirect