15/03/2010

Até que ponto o stress atrapalha nas tentativas?

Daí q eu to sim estressada aqui no trabalho.
To demais.
Chega segunda-feira todo restígio de felicidade q eu tenho no fds, simplesmente desaparece!
Eu to odiando estar aqui, conviver com as pessoas q eu sou OBRIGADA a conviver, e isso, óbvio, está refletindo diretamente na minha vida pessoal. Não poderia ser diferente ne?
Como meu marido diz, eu tenho sim, um prazo de validade nos locais onde eu trabalho. Passa de um ano eu já começo a odiar certas pessoas e odiar o q eu faço. Perde o encanto, perde até o valor. Eu não valorizo mais o q eu faço e me auto-desdenho.
Qdo eu chego em casa, vejo a pia lotada de louça, janta pra fazer, mais louça pra lavar, almoço do dia seguinte pra fazer, estender roupa, lavar, deixar tudo organizado, daí qdo vou ver já é mais de 9 da noite. A única coisa q eu quero é tomar um banho e ir pra cama. DORMIR. Eu não tenho pique pra "namorar", tentar, enfim...qdo eu vou ver o mês passou, meus dias (prováveis) ferteis passaram e eu to mais uma vez, a ver navios.
É aí q entra o stress atrapalhando tudo, denovo.
Ser dona de casa pra mim está sendo cada vez mais dificil tb. Eu passei a odiar os serviços domesticos, cozinhar é um martirio pra mim. Por isso eu nunca faço nenhuma comidinha mais requintada. É sempre o basico do basico. Ate menos q isso. Me culpo muito por isso, mas sério, eu não to aguentando mais.
Mas daí eu penso né. Se eu perder meu emprego, não vou nem poder cogitar engravidar né? Não seria justo com o marido ele me sustentar sozinho e ainda mais um bebe. É aí q eu me desespero. Tá, eu sei. Posso procurar outro emprego certo? Certo, mas TODO emprego q eu arrumar, terei os mesmo problemas e bla bla bla. Queria ser dona de algo. Mas isso é post pra outro dia e pro outro blog....rs

Onde eu quero chegar com isso?
Q essa minha rotina está acabando com as minhas reais chances de engravidar. É uma rotina dura. Dificil. Cansativa e estressante. Além de não ter vontade e nem pique de fazer amor e tentar nosso principe, eu não sei até onde esse meu estress influencia nos meus óvulos e tal.
Eu sei q parece meio doido isso, mas eu fico pensando nisso.
Marido tb é MEGA estressado. Muito mesmo. Trabalha se deixar 24 hrs por dia, tb ñ sei até q ponto esse ritmo doido dele interfere nos espermatozoides dele e tal.

O q eu quero dizer, (esse post foi meio um desabafo) é q eu to cansada. De tudo. As vezes canso de mim, outras vezes canso do marido, da minha rotina, das minhas ansiedades, das pessoas q me cercam, enfim. Pode ser q seja TPM?  Pode! E tomara mesmo q seja.

6 comentários:

aninha disse...

Oi flor!
Não fica assim não...
emprego é bem complexo mesmo, e as empresas procuram contratar pessoas estáveis, que permanecem por mais tempo nos empregos... não saia não, ou se resolver sair, saia com algo garantido...
Uma outra coisa, não deixe a rotina interferir no seu casamento, não deixe de namorar, de se arrumar, não deixe que o trabalho e o stress tome conta de vc...
Deixe os problemas do trabalho no trabalho e os problemas de casa em casa, isso melhorara muito sua vida, eu sei que vc deve estar pensando: é facil falar, e eu tbm acho q falar é facil, mais o stress atrapalha mto a vida do casal e é o que esta acontecendo comigo, nãoque eu esteja estressada, mais meu noivo fez uma coisa comigo muito ruim e eu ainda não consegui perdoa-lo e a relação esta dificil... por isso que eu te digo, se seu marido é maravilhoso com vc não deixe que o stress acabe com o amor de vcs!!!!
Que Deus te abençõe nesse momento dificil e que realmente seje apenas TPM!
mil beijo e o que precisar estou aki!

Renatinha disse...

Ai Thania, infelizmente todo mundo esta sujeito a essas coisas e rotinas!
Aqui em casa nao eh diferente, alem de que, o basico do basico aqui nao funciona, nao comemos arroz e feijao todos os dias, nao faz parte da cultura britanica isso e eu entendo..
As minhas brigas na cozinha eram pq eu nao me interessava em cozinhar, nunca gostei, mas agora estou melhorando, meus pratos tem bastante sabor, so que eu nao tenho muitas ideias praticas nem sou como ele eh na cozinha..
Entao vcs tem q se programar, quem sabe uma lava louca? Assim diminui seu tempo nesses afazeres, sei q nao eh barato, mas eh um investimento.. eu aqui tenho q fazer a limpeza eu mesma, vc ja tem empregada!!
Outra dica, q tal fazer um jantar q sobre pro almoco do dia seguinte? Ou vice versa.. uma coisa q nao fazemos eh comer muito as 2 vezes, ou 1 ou outro, ajuda ate a emagrecer!
Bom, to aqui pra te ouvir flor..
E quer dizer q vcs estavam falando mau do meu casamento rsrsrs, parece q foi ontem q casamos ne? quase 2 anos se foram..

adoro vc, se cuida

Márcia disse...

Eu sou de lua também Than, as vezes gosto de cozinhar, as vezes enjoo, então faço o que a Renatinha disse, faço a janta a mais e já fica para o almoço e quando sobra acrescento um legume e vira uma nova mistura. Quando o dia foi muito tumultuado eu faço lanche. Acho que você deveria procurar fazer alguma coisa que goste para descarregar esse stress, uma atividade esportiva, um hobbie.

O Profeta disse...

Imagino o canto maternal das baleias
Como doce e sentida balada
Imagino um beijo na procura
De uma fugidia criatura amada

Um domador de ventos e tempestades
Uma viagem de aventuras repleta
Serei eu um herói de comédia de enganos?
Ou apenas um pobre e louco poeta


Boa semana


Doce beijo

Ana Paula disse...

Também fico assim, irritada, cansada de tudo. Com vontade de jogar tudo pro alto e sair pro mundo correndo, enloquecida...
Também estou odiando os serviços de casa... faço tudo mal humorada e pensando que podia estar fazendo coisa melhor da vida...
Meu trabalho tem altos e baixos: às vezes adoro, às vezes é indiferente, às vezes é um saco.
Tenho estes sentimentos de cansanço e estresse durante a minha TPM. Quando me vejo assim, sei que logo, logo, ela virá... Daí fico triste porque sei que não engravidei... E assim a vida vai caminhando... numa verdadeira gangorra.
Acho que vc está nestes dias sim... O importante é saber identificar a TPM, porque daí vc consegue (ou tenta) controlar seus sentimentos.
Tente fazer coisas de que gosta para deixar seu dia mais leve, mais feliz. Não se apegue às coisas negativas.
Beijos!

Jordana disse...

Sou exatamente assim, tenho prazo de validade com o trabalho também, e ele dura exatamente um ano! Ou pelo menos até hoje nunca passou disso!
Aí eu sei que o estresse vai tornando a rotina insustentável e todas as coisas vão ficando de lado.
O jeito é mesmo criar alternativas, quem sabe um passeio Um curso?
Alguma coisa que absorva a rotina no trabalho, se não a gente pira mesmo!!!
Beijos}!

redirect